Menu

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Gambling: A estratégia de Martingale e Paroli


Eu cresci ouvindo que quem aposta perde tudo. E por isso sempre tive um sentimento negativo em relação aos jogos de aposta. Contudo, passei por um período na minha vida onde tive de quebrar alguns paradigmas para poder progredir. Além disso, depois de descobrir que apostas são um traço universal da humanidade, presente de alguma forma em todas as culturas do mundo, ter tido experiência com jogos e ler o livro Os Axiomas de Zurique, mudei um pouco a minha visão de mundo.

Eu não sou a favor de apostar altas quantias em jogos de azar, mas compreendo que, como em todas as áreas da vida, é fácil encontrar um certo número de irresponsáveis e culpar toda uma comunidade. O fato é que nesse meio, aprendi algumas técnicas que são muito valiosas para a vida, e gostaria de compartilhar com vocês a estratégia de Martingale e a estratégia de Paroli. Elas são simples e concisas.



Martingale
A estratégia ganhou popularidade na França no século 18. Ela consiste em dobrar a aposta quando perder considerando que a chance seja de 50% e o retorno seja de 100%. Para exemplificar vamos imaginar que temos R$ 10,00 e iremos apostar contra um amigo. Se der cara ganharemos R$ 20,00. Se der perderemos os R$10,00. Como resultado tivemos coroa. Se você apostar novamente R$10,00 pode recuperar o valor perdido, mas é ai que entra a estratégia de Martingale, o objetivo dela é recuperar o valor perdido incluindo o retorno esperado da primeira tacada. Desse modo devemos apostar R$20,00 com 50% de chance de receber R$40,00. Assim o valor apostado total será de R$30,00 e o lucro de R$10,00. E se perder novamente, deve se apostar R$40,00. E se perder novamente a próxima aposta deverá ser de R$80,00. Até ganhar. Quando ganhar, o jogador deve voltar a aposta inicial de R$10,00.

É claro que se fosse assim todos venceriam os cassinos, por este motivo a casa normalmente tem uma % ligeiramente maior do que 50%. Na roleta por exemplo tem o quadradinho branco, nas apostas esportivas os sportbooks calculam um retorno menor. Os dados como no SatoshiDice, deixam você escolher sua probabilidade, mas o retorno com a chance de 50% não paga o dobro, por isso a estratégia de Martingale tem de ser recalculada, pois o valor da re-aposta tem que ser mais que o dobro para compensar o retorno, não suficiente temos o problema de não termos dinheiro infinito para duplicar sempre a aposta.

Ainda assim, podem perceber que esse tipo de estratégia pode ser usado em ações, principalmente naqueles que utilizam o preço médio como medida. Sempre que as ações caírem, basta "dobrar a aposta" reduzindo o peso do preço pago inicialmente e aí, considerando que a empresa não vá a falência, quando o preço dos papéis ultrapassar do preço médio, o investidor pode vender e embolsar o lucro.


Paroli
Existe também uma estratégia oposta conhecida como estratégia de Paroli. O jogador estipula um número de vezes consecutivas para acertar e aí vai dobrando a aposta até atingir esse número. Como exemplo podemos supor uma jogada na roleta onde o jogador dobra a aposta sempre que ganha até atingir 3 vitórias consecutivas, ao vencer as 3 consecutivas ou perder 1 ele volta a apostar o valor inicial. Essa é uma estratégia legal para se usar no mercado de ações. Você escolhe algumas empresas para compor seu portfólio e vai aportando um valor periodicamente, contudo, se uma empresa supera suas expectativas no próximo trimestre em meio a um cenário não favorável, você aumenta a % de capital alocado nela, e no próximo trimestre se ela supera você aumenta de novo, e de novo. Na terceira vez você faz último aporte percentualmente desigual e retorna para o aporte inicialmente estipulado. Seria como uma "bonificação" pelo bom resultado da empresa, que influenciaria diretamente o resultado futuro da carteira.

E vocês, conhecem alguma estratégia legal para compartilhar?
Bons ganhos e um grande abraçoo!

7 comentários:

  1. Amigo, esta estratégia do Martingale é garantia de quebra, espero que não a esteja utilizando.

    "É claro que se fosse assim todos venceriam os cassinos"

    Vc errou neste comentário. O problema é o risco de quebra. Caso vc dê um grande azar de, por exemplo, perder 6 vezes seguidas. São as seguintes apostas:
    1 - 10
    2 - 20
    3 - 40
    4 - 80
    5 - 160
    6 - 320
    Total a desembolsar: 630

    Se vc está apostando 100 reais, precisaria de 6.300 reais. Se está apostando 1.000 reais, precisaria de 63.000 reais.

    É fácil, fácil quebra dessa maneira, mesmo que as possibilidades fossem até ligeiramente favoráveis.

    Sds,

    ResponderExcluir
  2. Olá BI,

    Um exemplo do “eu” do passado, após ler Axiomas de Zurique:

    Ações:

    1) Fazia um belíssimo trade em Banco do Brasil, 5% de lucro.
    2) Fazia um outro trade positivo em Vale. + 5% de lucro.
    3) Ah, já que estou com um bom lucro, vou aumentar tudo entrando forte na LLX do Eike. Resultado: Prejuízo de 10%, todo lucro foi embora ...

    Quando li Axiomas de Zurique, fiquei maluco no mercado de ações, achei que iria ficar rico e viver da bolsa, largar o emprego, ser trader.

    Felizmente perdi pouco dinheiro para descobrir que eu não era bom o suficiente para viver de ações, de trades.

    Aí descobri, desde o ano passado, que o que eu sempre fiz na vida real, que é focar no trabalho, receber, sempre poupar mais de 70% do que eu ganho naturalmente e investir bem é o que fez meu patrimônio subir, e é exatamente isto que estou tentando fazer na bolsa de valores, não em ações, mas em FIIs.

    Se você notar, os grandes traders que ficaram ricos não iam aumentando as apostas nos trades, e sim redirecionando os lucros para outros investimentos menos voláteis / arriscados, como imóveis, ações como buy&hold e Renda Fixa.

    O método é bem interessante sim, eu que nunca tive sorte com “apostas” e hoje não costumo tentar mais rs.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala VdC!

      Eu gostei bastante do livro!
      Sinto pela sua perda, tanto de tempo como de dinheiro, mas acho que foi justificável, pois lhe trouxe experiência!

      Você está certo de optar pela estratégia que melhor lhe convém! Isso é sem dúvida, o mais inteligente a fazer. A intenção do post, não é de maneira alguma te influenciar a se tornar um jogador, pelo contrário, estou apenas compartilhando o conhecimento que aprendi lá e achei útil. O legal é que ele pode ser aplicado em varias coisas na vida. Inclusive na sua estratégia de buy&hold(anti-martingale).

      Por exemplo: supondo que você tenha 4 fundos, e R$1.000,00 de aporte mensal. FIIA11, FIIB11, FIIC11 e FIID11. Inicialmente você aporta 25% para cada(R$250,00). Aí o FIIC11, começa e se sobressair e ter resultados mais positivos do que o esperado, então você aumenta a fatia do aporte nele para 40%, se ele se sobressair de novo, você aumenta para 55%, e por último para 70%. Caso ele volte a perfomar na média/estagne, ou atinja 3 meses consecutivos de crescimento, você retorna ao aporte inicial de 25%. Assim, dentro de 4 meses de bons frutos do fundo FIIC11, você terá aportado aproximadamente:

      FIIA11 R$ 700.00
      FIIB11 R$ 700.00
      FIIC11 R$1,900.00
      FIID11 R$ 700.00

      É claro que eu dei o exemplo de FIIs porque você citou no seu texto, mas isso pode ser aplicado a tudo (ETFs, ouro, ações, fundos, etc). A ideia é "bonificar" os bons ativos/gestores.

      Por último, mas não menos importante, gostaria de agradecer por compartilhar a sua experiência aqui e frisar que o conteúdo é meramente educacional, então nada de sair apostando o dinheiro com a venda do carro supérfluo ein VdC! kkkk

      Bons ganhos e um grande abraçoo!

      Excluir
    2. Com certeza BI,

      Nao tive nenhuma perda grande, nao mais que 5K, na epoca eu considerava 'o preco do aprendizado'.

      Poxa vida, ja estava indo para um cassino apostar kkk

      Abraco

      Excluir
  3. Burguês,

    Não vou lembrar quem foi .. mas um dos nosso amigos de blog simulou umas entradas dependendo do desempenho do ativo... era algo do tipo ... fazia novos aportes cada vez que caia 10% não lembro bem .. os resultados era melhores do que comprando a mesma quantidade igual todo mês ...

    ResponderExcluir
  4. Excelente postagem, eu não conhecia as metodologias/teorias e gostei muito de conhecê-las.

    Acredito que, assim como no cassino, na bolsa também temos o mecanismo que faz essas teorias difíceis de funcionar no lp, como taxas e emolumentos em geral.

    Forte abraço

    ResponderExcluir