Menu

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Zé Mobral

Gostaria de dedicar este post ao próprio Zé Mobral. Seu pseudônimo vem de Movimento Brasileiro de Alfabetização, referência muito bem escolhida por ele ser professor. Vez ou outra, ainda hoje, podemos o encontrar andando pela blogosfera e escrevendo alguns comentários.
Ele era um homem simples e batalhador. Sempre nos presentou com muito conteúdo de qualidade, compartilhava histórias divertidas e foi o inventor do grande MMI (Método Mobral de Investir), sua rentabilidade era inacreditável. Infelizmente Mobral acabou nos deixando, mas você pode conferir na íntegra boa parte do que ele escreveu!


domingo, 16 de dezembro de 2012
Aventura de final de ano

A cada dia que se passa, mais sem vergonha fico. É impressionante, mesmo lentamente, a cada dia que a IF se aproxima menos preocupado com emprego eu fico. Esse final de ano eu fiquei muito light no serviço, praticamente não  trabalhei e fiquei enrolando meus alunos e assediando algumas alunas deliciosas, e de maior, que eu tenho.

Uma delas é Stephannie (impressionante como pobre gosta de fazer gracinha com nome de filho), chamo ela de Ste e ela adora. Se trata de uma negra muito gostosa, que namora com um bandido que se encontra preso e está sedenta por sexo. Conversamos muito abertamente sobre tudo, e ela me disse que odeia transar na cadeia durante as visitas íntimas e que passa por uma verdadeira humilhação pelas agentes penitenciárias durante a revista. Então ela procurava saciar sua vontade, e escolheu a este professor. Puta que pariu, sou o único professor macho da escola e cai tudo pra cima de mim, como se eu não gostasse. Todo homem gosta de se sentir desejado, renovo minha autoestima a cada olhar de desejo.


Sou absolutamente tarado por negras... acho que é a raça da promiscuidade. Fazem sexo como ninguém, é um talento nato delas. Acabei marcando com a nega. Como não gasto grana com mulher, pedi pra ela vir aqui em casa e passar no posto de saúde pra pegar três camisinhas. Chegando aqui não troquei uma palavra sequer, puxei seus cabelos pela raiz, pois ela usa aplique afro, e a lancei na cama. Quando perguntei pelas camisinhas, ela me mandou procurar. Estava uma dentro do sutiã, e as duas dentro da calcinha, uma na frontal e a outra sendo engolida pela bunda. Caralho, mas que tesão da porra!! Esse tipo de jogada sexual deixa qualquer um louco.

Nunca transei com aluna, essa me disse anteriormente que iria sair da escola para estudar a noite já que tinha arrumado um emprego. Aí então minha mente mandou um recado pro corpo:  "Não é mais sua aluna! Parta pra dentro!!". E esse pobre frugal aqui não resistiu.

Fica um medo já que o namorado bandido pode sair da prisão a qualquer momento, e agora ela sabe onde eu moro. Na hora que ela pediu leite na boca, só dei com a condição daquela boquinha ficar calada e ela prometeu.  De qualquer forma, se o blog parar de receber as atualizações quinzenais, rezem pela alma do Mobral, por favor.

O propósito principal desse relato foi o seguinte:
Há muita mulher, muita mesmo, nas periferias pedindo por sexo a qualquer custo. Moro em bairro pobre, trabalho numa favela, e posso dizer isso com segurança. Vejo caras procurando mulheres em bairros nobres,  puta que pariu.. o máximo que vão arrumar é um beijo muito mal dado. Para ter sucesso na vida sexual é preciso rebaixar seu nível social. Por exemplo, eu sou "Classe C", vou procurar sexo na "Classe D". Toda mulher deseja homens que sejam de uma classe superior a ela. Impressionante, quando Ste chegou aqui pensou estar em um castelo de conto de fadas.

É isso aí moçada, volto agora só no início de 2013 com a atualização patrimonial. Desejo a todos um ótimo ano com muita prosperidade, rentabilidade e aportes generosos.

Abraço.
Zé Mobral.


sábado, 29 de dezembro de 2012
Evolução Patrimonial: Dezembro

Mais um mês se encerrando, desta vez o Ibov engatou a 5ª marcha no tradicional rally de final de ano. Com isso, festa no AP de todos os blogueiros de finanças.

Vamos aos números:


Foi um mês espetacular. Consegui aplicar o 13º integralmente, com isso dobrei o aporte. Sendo assim, a rentabilidade mensal seria de 5,4%.

O fluxo de caixa foi este:

Salário: 1.500,00
13º Salário: 1.500,00
Dividendos: 1.696,98
Rendimentos (FII's): 385,46
Total: R$5.082,44

Reflexões de 2012





2012 talvez tenha sido o melhor ano da minha vida. Foram 100 mil reais acumulados com um salário miserável de 1,5k. Minha família toda com saúde, nenhuma perda. O fluxo de mulheres foi bom também. Ganhei alguns quilos na academia e planejei um 2013 como sendo a "Vingança do Mobral".

Digo isso pois estou bem próximo de fazer um novo curso superior. Estou praticamente dentro da UFMG, a universidade dos meus sonhos, desde moleque sempre quis carregar este rótulo.. mas nunca consegui entrar devido a ter estudado a vida inteira em escola pública de merda. Vi meus amigos entrando e o merdão aqui tendo que pagar Uniesquina para fazer um curso podre.

O planejamento para 2013 é o seguinte:
  • Turno da manhã: trabalhar como um filho da puta, numa escola toda quebrada e arrombada.
  • Turno da tarde: extensão de carga horária. A direção me ofereceu 8 aulas semanais para treinar os moleques para o ENEM, como as turmas serão vazias, encarei o desafio. O projeto deve se iniciar em Março.
  • Turno da noite: dedicado a universidade. Com isso, irei ocupar meu dia inteiro. Não terei tanto tempo para estudar o mercado e estou pressentindo um desempenho menor nos investimentos. Os aportes deverão melhorar, acredito que consiga aportar 2k durante o ano, nada mal para um animal que trabalha com educação.
Ah, esqueci de agradecer os amigos da blogosfera. 2012 foi o ano em que o blog foi criado e pude crescer acompanhando os comentários dos mais diversos assuntos: mulheres, dinheiro, empreendedorismo, carreira, etc. Ter criado o blog, além de ter me acrescentado conhecimento desses assuntos, me trouxe o foco nos investimentos. Criar a planilha e ir monitorando a alocação de ativos faz com que você esteja sempre atento ao mercado. Dizem que o olho do dono é que engorda o boi, mais pura verdade.

Bom, desejo a todos um excepcional 2013! Obrigado por tudo.
Zé Mobral.


quarta-feira, 16 de janeiro de 2013
Recomendações de leitura

Olá turma,

O post de hoje é extenso. Estou devendo há um bom tempo a lista bibliográfica que usei para evoluir como investidor. O post será um pouco extenso para o padrão que adoto, mas acho importante uma discussão mais a fundo sobre boas fontes de leituras que estão aí, a preços muito acessíveis, para todo investidor.

Seguirei a ordem cronológica. Do primeiro livro que li, ao último.... citarei o aprendizado que tive em cada um deles. Vamos lá.

1º) Aprenda a Operar no Mercado de Ações.


Esse foi meu primeiro livro. Comecei em 2008, no auge da crise, com 10 mil reais no bolso e sem saber como investir. Resolvi comprar este livro, apliquei as técnicas .... e me ferrei! Após tomar muito prejuízo, decidi partir para livros da escola fundamentalista. De bom, extraí desse livro a parte que diz sobre os aspectos emocionais do investidor. Nesse quesito, este é o melhor de todos.

2º) O segredo da Mente Milionária.


Em 2009, após perder muita grana, quando todos ganhavam. Resolvi dar um tempo e estudar livros de finanças básicos. Entre eles está esse, que recomendo a todos. Já li esse livrinho umas 5 vezes. A parte que trata dos 17 arquivos de riqueza é fundamental e totalmente recomendada para aqueles que não estão convictos com relação a seus investimentos. Muito esclarecedor.

3º) O homem mais rico da Babilônia



Se trata de um clássico da literatura financeira. É um livro que provavelmente não trará algo novo para o leitor, mas consolida alguns mandamentos que todos deveriam ter em mente e seguir à risca, infelizmente muitas vezes a irracionalidade fala mais alto. Totalmente recomendado.

4º) Série de Livros do Warren Buffett


A bola de neve
O Tal de Warren Buffett
Warren Buffett e a Análise de Balanços. Nessa fase eu já tinha algum conhecimento fundamentalista e já investia a longo prazo. Resolvi ler alguns livros do investidor mais foda que a face da Terra já conheceu.

"A bola de neve"
Esse livro é fantástico, mais parece uma bíblia de tão espesso. Levei uns 5 meses para ler, mas foi uma leitura saborosa... o leitor viaja nas estórias do cara. Ele conta sua vida de cabo a rabo. Pra quem segue a filosofia frugal, esse é "O LIVRO". Me identifiquei muito com o estilo de Warren. Recomendadíssimo.

"O tal de Warren Buffett"
Este livro relata algumas frases de impacto do cara e a ex nora vai comentando uma por uma. Dos três livros, é o mais fraco. Mas é interessante para fazer uma reflexão.

"Warren Buffett e a Análise de Balanços"
Esse foi um dos livros que mudou minha vida. Antes dele, eu selecionava empresas pelo Fundamentos e GuiaInvest, como todo sardinha. Nesse livro você encontra detalhes preciosos de como selecionar uma baita empresa. É um livro genial e pra quem gosta de números. Frescos que não gostam de cálculo é bom passar longe do livro e do mercado em geral.

7º) Investindo em Ações no Longo Prazo


Aqui eu já me encontrava na fase "Buy and Hold", início de 2011. Tinha montado minha carteira e quis ler algo que me ajudasse a ter tranquilidade para não trocar muito de ativos. O instinto trader ainda estava presente dentro de mim. Esse livro serviu para me deixar completamente focado em AF. O livro trás o histórico do comportamento das ações americanas nos últimos séculos. Por ser um livro estrangeiro, focado nos EUA, não tirei tanto proveito dele. Tem capítulo sobre inflação, ouro, títulos de renda fixa.. etc. Isso me decepcionou um pouco.

8º) Investindo em Small Caps


Em meados de 2011 já estava de saco cheio de B&H e decidi ganhar dinheiro de verdade. Me especializei em Small Caps, a maioria dos meus ativos são desse gênero, e digo com toda a certeza que esse foi o melhor livro que já li. É o meu livro de cabeceira. Aqui o autor ensina o investidor a escolher suas ações, desmistifica os múltiplos mais relevantes e trás,ao final do livro, exemplos reais de investimentos realizados por ele. A partir da leitura desse livro, minha carteira deslanchou. Quem gosta de investir em empresas promissoras e turnarounds em geral não pode deixar de ler essa obra.

De todos, este e o "Análise de Balanços" do Buffett são os melhores, sem dúvidas.
São verdadeiros manuais.

Alguns livros que li não recomendo.
São eles:
"O Investidor Inteligente".
Todos falam maravilhas desse livro. Porém, é denso demais... não consegui digerí-lo.

Os livros do Cerbasi em geral.
Li todos e achei muito fraquinhos, o autor visa atender investidores com "zero" de conhecimento. Livro que toca no assunto "renda fixa", pra mim não presta.

"Faça fortuna com Ações"
Esse é o livro mais podre que já li. Tem muita gente que gosta. O cara conta estórias de maracutaias que ocorreram nas décadas de 70 e 80 durante os pregões. Não consegui ler nem a metade dessa porcaria.

É isso aí pessoal, essa foi minha visão com relação aos livros que li durante esses 4 anos de mercado. Uns muito úteis, outros medianos, outros desprezíveis. Recebi muitas solicitações para escrever esse post e espero ter ajudado.

Abraço.
Zé Mobral.


quinta-feira, 31 de janeiro de 2013
Evolução Patrimonial - Janeiro

Olá pessoal,

Mais um mês se acabando e as minhas férias indo embora. Hoje recebi uma intimação da diretora e terei que comparecer à escola amanhã para serviços burocráticos e reuniões inúteis. Ô empreguinho filho da puta é esse que arrumei!

Mas a maré está começando a virar. Hoje recebi a notícia que fui aprovado no vestibular, irei fazer um bom curso (Isso mesmo, nenhuma engenharia top ou medicina) na universidade pica das galáxias que é a UFMG. Meu sonho desde adolescente, recebi pressão pra caralho por parte dos meus pais e nunca consegui entrar. Dessa vez, deu tudo certo e o plano é receber um salário decente daqui 5 anos. Já que a ideia é dar aulas à noite (turno da noite é a maior enganação) e trabalhar no novo cargo durante o dia. Com isso minha ideia de semi-aposentadoria vai pelos ares. Não dá pra se considerar 'semi-aposentado' ganhando míseros 1,5k.



Com relação a mulheres, agradeço ao colega Sacana pelas sugestões em seu blog que foram de grande valia. Essa semana tracei uma branquinha muito fogosa, sexo de boa qualidade, mas tive que arcar com o motel que custou 29,90. Já me encontro em negociações com outra vadia. Realmente, o Badoo é o paraíso do sexo.. só não come quem já morreu.

Bem, vamos ao que interessa....


Mais uma vez a carteira do Mobral teve um desempenho muito bom. Dos FII's, vendi CSBC11, e o meu carro chefe, BEMA3, mais uma vez detonou com a concorrência. O ponto negativo do mês foi GETI3, que teve suas ações despencando por motivo banal. Aproveitei e comprei mais um pouquinho destas com o dinheiro da venda de  HBOR3 que teve dados preliminares decepcionantes. A outra parte da grana foi para a iniciante TRIS3, que mostrou uma prévia operacional muito boa. Se o balanço confirmar as expectativas, pode vir a ser o meu mais novo foguete.

Pela primeira vez chego aos 200K. É um marco e um momento de grande emoção pra mim pois a batalha foi muito dura, muitas coisas deixei de fazer, viagens adiadas para não sei quando, pedidos de namoro negados, etc. Se eu conseguir manter essa faixa de 10k mensais de evolução, chego aos 300k ainda esse ano. Porém, humildemente, coloquei minha meta nos 250k, já que meus aportes devem diminuir um pouco por causa dos gastos com a faculdade.

Vamos aos valores aportados:

* Salário:            R$ 1.600,00
* Dividendos:     R$ 99,78
* Rendimentos:  R$ 535,25

Total: 2.235,03

O fato engraçado do mês foi o tombo que levei na academia quando corria na esteira. Caralho! A sola do meu tênis Fila vagabundo soltou durante a corrida e caí muito feio. No outro dia comprei um Mizuno, tenis de macho. Tive que mandar grana da corretora pra comprar pois foi um gasto totalmente inesperado.

Um abraço a todos.
Zé Mobral.


quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013
As Aventuras do Mobral

Primeiramente peço desculpas ao seguidores do blog, pois este não é um post de investimentos. Sei que tenho leitores sérios, por isso peço para que não sigam lendo o texto abaixo, ainda mais se forem casados... rs.

Estava angustiado, as minhas marmitas eram todas vinculadas á escola em que trabalho... mães, tias e irmãs de alunas, ex alunas também. Porra, tava cansado de comer feijão com arroz e parti para uma aventura chamada Badoo. É um site de relacionamentos conhecido como o paraíso do prazer por ser muito fácil conseguir sexo por lá.

Estou lá há poucas semanas e já descolei duas transas... uma mediana em que gastei 29,90 num motel cheio de pulgas aqui do meu bairro. E outra sensacional, inesquecível, que irei relatar mais adiante.

Começo dando algumas dicas aos iniciantes:

1ª) Se cadastre com um e-mail criado apenas para o site. Jamais use e-mails já usados em outras redes sociais, você não terá mais sossego na sua vida.
2ª) Após cadastrado, é hora de caçar as pervas. Não perca seu tempo e seu dinheiro com os tais "super poderes". Isso é para os fracos, como presumo que vc seja um macho com o saco roxo, ignore essas palhaçadas e vá em frente. A primeira coisa a fazer é procurar por pervas da sua cidade e que estejam online. Não adianta gostar de uma safada que nunca entra, vc não tem tempo a perder. Seu pau não pode esperar!
3ª) Na hora de começar a conversa, você terá direito a mandar duas mensagens... Se ela não responder, vc simplesmente perde o direito de continuar a conversa. A estratégia é a seguinte: na primeira mensagem seja cortês, demonstre educação. Se ela não responder vc terá uma segunda e última mensagem pra enviar. Nesse momento fale muita putaria. Nunca se sabe se do outro lado há uma mulher séria ou uma vadia. Jogue nas duas vertentes.
4º) Peça imediatamente o MSN da vítima. Algumas entram no site uma vez e somem, pelo MSN é mais fácil desenvolver a conversa. Muitas já excluiram o MSN e mantém apenas o Facebook. Neste caso, aceite e a procure todos os dias pelo chat.

Pronto... daqui pra frente é com você. Acho que todo mundo já sabe como conduzir uma mulher à sua cama. Não quero ter leitores cabaços aqui, ok? 

Índia Kayapó, um sonho difícil de acreditar

Como disse, consegui duas transas pelo site. A primeira foi uma transa comum, gastei dinheiro com um pulgueiro de 30 reais. Enfim, um sexo bem comum e não merece maiores comentários.

A segunda eu quero compartilhar com os amigos, foi uma das mais sensacionais da minha vida.

Certo dia chamei uma perva para a conversa, suas fotos eram incríveis.. mais parecia um fake. Resolvi tentar a sorte. Ela viu minhas fotos, gostou e desenvolvemos uma "amizade" por alguns dias. O Badoo foi o tiro inicial, do segundo dia em diante nos falávamos apenas por MSN e pude comprovar por webcam que aquela mulher realmente existia. Então lancei meu veneno, mostrei meu corpo malhado a ela (Isso mesmo, sou frugal.. mas com suplemento não tem miséria), mostrei minha pica e disse pra ela que sou acionista de 8 empresas na bolsa (isso dá uma moral absurda, a mulher percebe q vc é diferenciado já que está acostumada apenas com idiotas q só falam de filmes e baladas). Pronto, a perva ficou louquinha pra me conhecer, a conversa esquentou, ela dizia q toda vez que encerrava a conversa comigo tinha que tomar um banho gelado para aliviar o tesão.

Disse a ela que era frugal, não gastava dinheiro com mulher e fiz um convite a ela para comparecer à minha casa para que eu pudesse dar um jeito naquela vontade incontrolável que ela tinha de transar. Não deu outra, aceitou o convite sem pensar duas vezes e chegou ao abatedouro no horário previsto.



 Minha indiazinha é muito semelhante a essa.

Caramba, que mulher era aquela! Poderia ter quantos homens quisesse, fazer todas as orgias que desejasse, mas escolheu a um pobre frugal que avisou previamente que o sexo seria totalmente 0800. Mais uma vez, como de praxe, corri no posto e peguei 4 camisinhas.

Era muito tímida, ficou totalmente travada de início. Disse que nunca tinha feito uma loucura assim, e que no Pará (estado natal dela) ela nunca tinha conseguido gostar de alguém como eu. Calei a boca da perva e a lancei na cama, pensei q iria ter uma ótima transa quando veio a surpresa, a xana da mulher era extremamente apertada, pior q um cu. Meu pau não entrava! Fiquei constrangido, nunca tinha acontecido aquilo. Meu membro tem tamanho normal, mas é muito grosso. Ao colocar os dedos, só conseguia colocar um... aquela buça era estreita demais, foi um custo pra adentrá-la... quando consegui não queria tirar nunca mais, parecia estar no céu. Depois do sexo, ela me disse que era descendente dos índios da tribo Kayapó e que saiu do Pará pra buscar melhores oportunidades no Sudeste. Me apaixonei por essa mulher... puta que pariu.

A mulher também se apaixonou, me liga todos os dias... disse que quer transar comigo todo dia e que faz questão de pagar o motel. Parecia um sonho, bonita, gostosa, cheirosa, gosta de sexo, tímida, etc.. tudo de bom.

Porém, há um problema... Ela insiste que quer namorar, eu quero ir enrolando e transando o maior número de vezes possível. Não sei se irei conseguir resistir aos encantos de uma mulher tão perfeita. Assumindo namoro, irei gastar horrores com presentes, restaurantes, motéis, viagens, minha IF ficaria em xeque. Ela joga muito pesado, disse que quando começarmos a namorar irá me dar de presente um delicioso sexo anal,    já que disse ser virgem na modalidade.

Porra! O que um chá de buceta não faz com um cidadão?! Tenho que me concentrar nos investimentos e passar a crer que essa índia foi uma marmita a mais, como outra qualquer.

Abraço!
Zé Mobral


quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013
Carnaval do Mobral

Carnaval... época de muita bagunça e putaria. Nunca gostei disso, sou um careta. Aqui em Minas todos os meus conhecidos viajam para as cidades históricas a caça de bucetas de todos os tipos e sabores. Sempre neguei os convites dos amigos, prefiro caçar ao meu jeito... E dessa vez não fui nada feliz.

Em Janeiro meu pai me convida pra passar o Carnaval em família, num resort. (Isso mesmo, eu sou pobre miserável mas meu pai é um batalhador e ganha um bom dinheiro com sua empresa). Então, como há anos não viajamos em família, senti a necessidade de estar próximo aos meus velhos, num lugar sossegado. E o melhor, não gastei um centavo sequer.




O lugar era lindo, conversei muito com meus pais, demos risadas como há muito tempo não dávamos. Estava tudo perfeito... ou melhor, quase... estipulei a meta de caçar uma vadia, e fui pro ataque.

Nos dois primeiros dias só vi casais, coroas e crianças por lá. "Porra!! Só eu estou aqui para caçar? Não é possível!", pensei. Estava muito desanimado, e doido para dar uma trepada, quando no terceiro dia fui para o salão de jogos sem maiores pretensões.

Foi quando jogando tênis de mesa, avistei uma ruiva maravilhosa... um corpo escultural à mostra. Olhei para um lado, para o outro, não vi concorrentes. Larguei o tênis de mesa e me direcionei à mesa de totó em que ela estava jogando.

Jogamos em equipes adversárias, dois de um lado... dois do outro. Ficamos uns 20min. jogando e nisso eu já criei alguma intimidade com ela. Foi quando o meu parceiro e a parceira dela decidiram parar e ir para a piscina. Sobramos nós dois sozinhos ali... só pensava em sexo naquele momento, fixei meu olhar e ela desviando o dela, meio sem graça. Jogamos mais um pouco, eu ganhava todas... foi quando fiz uma proposta: Se eu ganhasse aquela partida, eu iria possuí-la. Iria levar para o quarto em que eu estava hospedado, já que meus pais tinham saído a passeio pela cidade e eu queria aproveitar o momento para abater alguma perva ali.

Iniciamos o jogo, numa queda de 5 gols, fiz três... os dois últimos ela fez contra... de propósito. Estava pedindo por pica, do jeito que eu gosto. Descemos para um chalé próximo pois ela quis tomar água de coco, lancei meu veneno e a perva ficou louquinha. Me abraçou, me arranhou, gemeu no meu ouvido... puta merda, que delícia... meu pau babava na cueca. Foi quando a mãe dela ligou, gritando e dizendo para ela ir logo jantar... o clima se perdeu, a mina ficou nervosa. "Porra!! Logo agora essa velha filha da puta vai ligar?". A safada se despediu, me disse que se chamava Camila e tentaria voltar... mas não voltou.

Nunca mais a vi, foi um vacilo meu pois não peguei telefone nem nada. Uma transa praticamente certa se perdeu, aquela deliciosa ruiva não saiu da minha cabeça e até agora estou procurando por ela no facebook, sem sucesso. Acho que nunca mais a verei e meu carnaval foi uma merda com relação à mulheres.

Por outro lado....

Minha indiazinha Kayapó não se desgruda. Me ligou durante todo o carnaval, dizendo estar com saudade. Dizendo que quer namorar, quer casar... a perva já faz planos.

Definitivamente não se trata de uma vadia, me disse que estava no Badoo por acaso. Assim que falei pra ela que se tratava do portal do sexo, ela se espantou e excluiu sua conta. Ela desconhecia. Ontem joguei duro com ela, coloquei a mina na parede e abri o jogo.

* Reafirmei que sou frugal, que ela não vai ter presentes. Ela disse que não importa em ganhar, mas gosta de presentear;
* Disse que quero sexo ao menos três vezes por semana e estou disposto a pagar motel em apenas uma, ela concordou em pagar nas outras duas vezes;
* Disse que quero ficar com ela (comer) por alguns meses antes de ter a certeza de namorar com ela. Ela aceitou, mas disse que não posso passar de 6 meses. Garanti seis meses de sexo hardcore low cost.
* Disse pra ela que em caso de nos casar, seria em regime de separação total de bens, que não aceito mulher nenhuma colocar a mão no meu patrimônio. Ela concordou, disse que não gosta de depender de homem. Ela é concursada, ganha 2,5k e tem um terreno de 360 metros quadrados de patrimônio. Já é algo significativo. Obs: ela já sabe q tenho 200k na bolsa.
* Falei pra ela que exijo sexo anal nas próximas transas. Ela reafirmou ser virgem na modalidade, e que eu seria o cara a tirar o selo. Me pediu paciência.
* Disse a ela para me esperar, que iria observar as mulheres da faculdade... se aparecer alguma mais qualificada, poderia me envolver. Deixei a india em modo de espera, e ela aceitou.


Caramba, a mulher concorda com tudo que eu faço. É totalmente submissa, do jeito que eu quero. Na cama ela me atende em tudo que peço, menos o cu... mas isso estamos negociando. rs.

Estou tentando encontrar defeito nessa mulher, mas não encontro. Linda, gostosa, boa de cama, emprego estável, tem patrimônio, faz faculdade, não tem filhos, não usa roupas caras, totalmente sem frescuras.

Me encontro muito tendencioso a assumir um relacionamento com essa mina. Sei que muitos amigos da blogosfera me aconselharam a não envolver com badooniana, mas essa é diferente. Tenho certeza que não é vadia, e de vadia eu tenho pós-graduação.

A série de posts sobre putaria parece estar chegando ao fim. Se eu me envolver com essa índia, adeus aventuras. Volto dia 28 com o fechamento do mês, que não está sendo nada bom.

Abraço aos amigos!
Zé Mobral.


quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013
Evolução Patrimonial - Fevereiro

Olá amigos,

Fevereiro terminou com o IBOV despencando quase 4%, num verdadeiro show de horrores. O impressionante é que apesar da queda do índice, está difícil encontrar coisa boa e barata. Na prática, só caiu coisa ruim... o que é bom, na minha maneira de ver, se valorizou bastante.

Tenho duas pérolas na minha carteira,

Bematech (BEMA3): Assim que anunciei a compra, em Agosto de 2012 fui julgado, apedrejado e teve ignorante dizendo que eu era miqueiro, que seria um absurdo investir em fábrica de impressora fiscal. Pois bem, de lá pra cá o ativo se valorizou em 129%. O anônimo arrogante sumiu do meu blog.

Portobello (PTBL3): Ativo comprado em Agosto, junto com BEMA3. Dessa vez, não fui apedrejado, um ou outro disse que eu era louco de colocar dinheiro em empresa que apresentou prejuízos recentes. De lá pra cá, a valorização aqui foi de 109%.

E o melhor ainda está por vir, as empresas ainda não anunciaram seus balanços. As expectativas são muito boas e acho que dá pra ganhar muita grana com elas ainda. Não arredo o pé.

Vamos ao que interessa, a planilha do Mobral.


Os aportes do mês foram:

Salário: 2.000,00 (1.500 + 500 referentes a 1/3 de férias)
Dividendos: 0
Rendimentos de FII's: 529,33

Total: 2.529,33
O que daria um rendimento líquido da carteira de 3,7%.

De negativo considero a performance da maioria dos meus FII's. No mês comprei um pouco de RNGO3, vendi um pouco de BEMA3 para comprar TRIS3 que é outra de minhas apostas.
Não ganhei um centavo de dividendo esse mês. Porém, GETI3 e GRND3 devem pagar nos próximos meses. Pode ser que as minhas duas da linha de frente também pague algo. Estou muito otimista para o mês de Março.

Segunda feira começa minha faculdade. Já estou vendo que vai ser foda manter os aportes, estimo uma queda de 10 a 20%. A frugalidade extrema tem esse defeito, não há margem para gastos extras. Vou ter q penar e procurar compensar na qualidade dos ativos escolhidos pra carteira. O tempo para estudo também irá diminuir, isso significa possíveis baixas de rentabilidade. Sinuca de bico.

Além do mais tem a minha índia, essa semana gastei com motel duas vezes... 26 reais cada uma. A terceira ela pagou. É sexo quase todo dia, essa mulher está me esgotando. Estou cada dia mais propenso a assumir o namoro. Mas é assunto para outros posts.

Fico por aqui, desejando ótimos rendimentos e muita saúde aos amigos da blogosfera.
Um abraço do Mobral.


sábado, 16 de março de 2013 
Aportes despencando

Vida de universitário e amante está quebrando as pernas do Mobral.

Caramba, estou gostando bastante do curso... professores bons e tudo, mas toda matéria é um livro ou apostila pra comprar. Não aguento mais! Outro dia comprei um de 200 reais, apostila de 50 reais (todo dia os professores fdp exigem uma).


O reflexo de tantos gastos veio no aporte do mês. Apenas 1 mil reais aportados! Caramba, quando mandei esse valor pra corretora me deu um desânimo. Que salário de merda eu tenho! Onde eu estava com a cabeça ao entrar no magistério? Mobral, seu animal... errou na decisão e fodeu sua vida! Agora é correr atrás do prejuízo. Minha turma tem alunos na faixa dos 19 anos... E eu me aproximando dos 40, com uma velocidade de raciocínio menor. Ando me cansando no meio das aulas pra frente, o trabalho me consome. Enquanto isso, na sala de justiça,  os playboys com sangue nos olhos e muita disposição, e ainda vão pra balada após as aulas.

O governador babão aqui do estado mudou as regras do jogo. Agora professor é obrigado a cumprir uma hora após as aulas, na escola, para planejamento. Porra! Isso eu faço em casa. Receberei um aumento sensacional de 200 reais por esse tempo extra na escola. Dá vontade de largar tudo! Tenho q ter tempo pra malhar, estudar, acompanhar o mercado, minha índia, acompanhar meu blog e dos principais blogueiros também. E vêm esse governador fdp nos colocando numa gaiola.

Com relação a Índia, já estou ficando preocupado. É sexo hardcore duas vezes por semana. Essa mulher é insaciável. Já gozou cinco vezes numa transa e queria mais. Está acabando comigo. Perdi 3kg e regredi em todos os exercícios na academia. Dia seguinte após o sexo eu simplesmente não consigo puxar ferro. Minha sorte é que encontrei um motel legalzinho. 26 reais por duas horas. De graça! O problema é 200 reais a menos no aporte, mas é por uma boa causa. Ela mora longe desse motel, combinamos de eu pagar a hospedagem e ela pagar o táxi. Não tenho paciência com mulher após a transa, quero me livrar rápido.. Levar a diaba lá na casa do caralho seria o fim.

Costumava aportar cerca de 1,5k. Com todos esses gastos q venho tendo, está muito difícil aportar mais que 1k. Por sorte, minha carteira vêm performando bem até agora. Nesse momento já apresenta uma valorização de 3,7%.

Outro dia vi um vídeo do Bastter, e ele foi enfático em dizer que o que manda é a quantidade que você consegue aportar. Fiquei depressivo com aquilo. Porra!! Como seria bom se eu conseguisse aportar 3k ou mais. Mas estou pagando pelo meu erro!

Você aí que consegue aportar alto, tenho inveja de todos vocês.

Abraço!
Zé Mobral.



sábado, 23 de março de 2013
Alterações na carteira

Olá pessoal,

O mês de Março está acabando, e de forma muito especial para quem investe em valor... pois é mês de balanço, grande parte das empresas divulgando seus resultados de 2012. Como já disse em outro post, mês de balanço eu fico em êxtase, muitas vezes acabo desequilibrando meu sistema de alocação de ativos. Vendi  FII's demasiadamente, acredito estar com apenas 20% do capital nessa modalidade.

"Mobral, porque você não agiu com racionalidade? Deveria ter seguido seu sistema de alocação. Seu burro!"

Realmente, é um erro que sempre cometo em meses de divulgação de ITR. Fico eufórico com alguns ativos e dou uma banana para alocação. Os meses seguintes servem para eu reequilibrar a carteira. Não façam isso em casa, sigam seus sistemas à risca.

O mês foi muito movimentado. O pessoal vêm me cobrando mais posts sobre investimentos, carteira e oportunidades. Vamos conversar um pouco sobre isso.

Nesse mês fiz algumas trocas, que se mostraram equivocadas. Vendi BMTO4 a 0,75 e DAYC4 por 10,76. Com o dinheiro aumentei posição em GETI3 a 18,15. Uma grande merda que eu fiz. Basta observar as cotações atuais. Mas no momento, julguei interessante.. pois não gostei do balanço de BMTO e DAYC ainda tem aquela questão dos swaps pendentes. Não quis pagar pra ver... e me dei mal.


Por outro lado, algumas balanços excelentes foram divulgados e enchi o carrinho. A principal delas foi PRBC4. Na minha opinião é o ativo mais barato da bolsa nesse momento. Está com um P/L de 6 e muito ainda por crescer. Já é minha terceira maior posição.

Comprei também muito fortemente TRIS3 a 3,02. É o estilo de empresa que eu gosto... empresa quase morta, que suspira e mantém os bons resultados. É candidata forte pra fazer o que BEMA e PTBL fizeram, colocar 100% de valorização no meu bolso em poucos meses. O resultado do 4T de TRIS3 foi divulgado nesta quinta-feira, excepcionais 12M de LL. Na sexta o mercado já reconheceu a potência da empresa e a cotação subiu mais de 8%. O importante é justamente isso, tentar se antecipar, comprar mais barato e dar o pulo do gato. As vezes não funciona, mas nas vezes que tive sucesso o lucro obtido foi tão alto que superou por muito as vezes que errei. Acho que vale a pena.

"Puxa Mobral, como vc faz para encontrar essas empresas?"

Nada que qualquer um não possa fazer. Isso é assunto para outro post. Só adianto que não faço nada que os meus dois livros favoritos não citaram em suas páginas. "Warren Buffett e a análise de balanços" e "Investindo em Small Caps". Esses dois livros estão literalmente na minha cabeceira, vira e mexe estou usando um ou outro para uma consulta. Alguns não gostaram dessas leituras, elas mudaram minha vida.

"Como ficou sua carteira após essas mudanças? Quero saber dos percentuais."

Não quero saber de percentuais, acho bobagem. Aumento e reduzo posições no achômetro. O percentual que valorizo são dois: o da evolução do patrimônio e o da alocação de ativos, que tento manter da seguinte forma: 30% em FII's e 70% em Ações.

A carteira ficou assim:

AEFI11, FIIB11, MBRF11, TRXL11 e XTED11
GRND3, UNIP6, BEMA3, PTBL3, TRIS3, PRBC4, GETI3.

A maior decepção até o momento é GETI3. Estou começando a ficar cabreiro com o setor elétrico, acho que está morto e só falta cair. Assim que GETI dar um respiro, penso seriamente em desfazer a posição. Seca nos reservatórios, contrato com a ELPL se aproximando do final, exigência governamental para investimento no negócio, dívidas perto do vencimento, etc.

UNIP também decepcionou no balanço, veio abaixo do esperado... mas segurei. Essa semana tivemos a boa nova que a empresa comprou uma fatia maior da Carbocloro, que é seu braço mais rentável.

GRND, BEMA, PRBC e TRIS vieram espetaculares. PTBL é o único balanço que falta.

É isso aí rapaziada, volto na quarta feira com o balanço do mês. Sucesso a todos!

Abraço.
Zé Mobral.


quinta-feira, 28 de março de 2013
Evolução Patrimonial - Março

Olá amigos,

A carteira do Mobral simplesmente decolou nesse mês de Março. Caramba, todos os meus ativos apresentaram balanços excelentes, e o reflexo vem nas cotações quase que imediatamente.


Aportes:
Salário: R$ 1.000,00
Dividendos: 0
Rendimentos: R$ 507,50

TOTAL: R$ 1.507,50

Os aportes foram uma merda. Nesse mês minha faculdade começou, gastei uns 300 reais com livro e apostilas, e 100 reais de combustível adicional. Nenhuma das minhas empresas pagou dividendo esse mês. Para Abril, só BEMA deve pagar um troco. Uma carteira baseada em crescimento tem essa desvantagem, dividendo quando pinga, pinga pouco. Não dá para ter as duas coisas.

Os destaques da carteira foram Unipar e Trisul... simplesmente foguetaram. Portobello fechou o mês com um belíssimo balanço, o mercado se esqueceu de precificar e o preço ainda está convidativo.

A carteira está muito desequilibrada, apenas 26% em FII's. Vou ter que abater parte de algumas queridinhas para equilibrar meus ativos. O problema é que não consigo visualizar FII's baratos... vou ter que colocar em algum bem seguro, e com rendimentos pouco acima da poupança. Semana que vem começo os estudos.

Estou muito feliz com o meu desempenho como um todo nesse ano de 2013. Estou tocando minha vida em 4 frentes: o trabalho na minha escola de periferia, meu curso superior, meus investimentos e minha índia insaciável.

Cresci ouvindo que Deus sempre ajuda os pobres necessitados. Meu salário é vergonhoso, são mais de dez anos de estagnação. O homem lá de cima está colocando a mão na minha cabeça e me guiando a ganhar dinheiro de forma alternativa. Que continue me abençoando e a todos nós nessa batalha pela conquista da IF.

A luta continua...
Abraço e bom feriado a todos.

Zé Mobral.



domingo, 7 de abril de 2013

Um pouco sobre estratégia

Olá pessoal,

Esse é um post mais denso, o pessoal vem me cobrando um post sobre estratégia de investimento e aqui vou demonstrar com um exemplo real o meu modo de investir.

Atenção: Não faça isso em casa! Se quebrar, assuma a responsabilidade e não venha me culpar!

Bem, o Mobral não é nenhum super-homem. Sou tão comum quanto vocês. A questão é que escolhi investir com a faca entre os dentes.. buscando rentabilidade máxima.

"Puxa, Mobral... vc não tem medo de quebrar? Gerencie seu risco!"
Meu risco é gerenciado pela diversificação. Não coloco mais de 30k em empresa nenhuma. Além do mais, acabo de comprar alguns FII's e voltei a ter mais de 30% da carteira neles. Pra mim, isso já está bom. Viver é um risco, não tenho medo de perder 50% da carteira no próximo crash. Faz parte do jogo.

Minha maneira de investir é totalmente baseada nos livros que li, citados há dois meses. Não tem nada de novo. Como todos já conhecem, as turnarounds são minhas empresas prediletas. São aquelas empresas Tudo ou Nada. Ou sai da merda, ou ficam pra sempre nela... por enquanto estou sendo feliz nas escolhas.

"Mobral, como vc escolhe essas empresas?"
O primeiro ponto é ir num site fulera desses como Fundamentus e/ou GuiaInvest e fazer a primeira peneirada. O pulo do gato ao meu ver não está nos tradicionais P/L, DY, PVPA, etc. Isso todo mundo faz! Penso q se vc fizer o que todos fazem, terá um rendimento mediano.. igual ao de todos. Pra ter isso, prefiro deixar meu dinheiro com gestor. Perder meu tempo pra ter rendimento baixo, pra mim não é válido... Por isso ouso bastante e escolho empresas totalmente desprezadas pelo mercado. O principal múltiplo pra mim é o P/EBIT. Aqui está o tesouro escondido.

"Caramba, Mobral... o que é esse tal de P/EBIT?"
É um múltiplo semelhante ao P/L. Apresenta o lucro antes dos impostos e despesas financeiras. Penso nesse múltiplo como se fosse um P/L de uma empresa que nada deve. Se esta empresa conseguir saldar suas dívidas, apresentará P/L e P/EBIT muito parecidos. O P/EBIT tem esse poder, de antecipar a rentabilidade futura da companhia. E é justamente isso que eu quero, comprar antes de todos.

"Você só olha esse múltiplo? Não faz mais nada?"
Não. Em determinadas empresas, principalmente aquelas que tem dívida equilibrada, nada adianta observar o P/EBIT. Então parto para o "Plano B", que é olhar o último lucro trimestral da empresa. Basicamente, pego esse resultado e multiplico por 4. Faço uma estimativa conservadora do lucro anual e calculo o P/L sobre esse valor. Isso irá me dar o P/L futuro. Isso mesmo, nada de ficar olhando múltiplos nesses sites vagabundos. Gosto de pensar na frente, e me antecipar. Aí a empresa solta o balanço, mega lucro.. todo mundo correndo pra comprar... e eu lá, comprado e surfando na valorização. É muito gostoso isso!

"E se vc estiver dentro da empresa, e ela divulga um resultado pífio? Continua no barco?"
Não. Definitivamente não tenho tolerância alguma para resultados ruins, vendo no dia seguinte.. tanto faz se no lucro ou no prejuízo. Pulo fora do barco na mesma hora. Isso aconteceu ano passado com FJTA4, mostrou um balanço mais fraco e pulei fora no dia seguinte.

"Então, Mobral... só isso que vc faz? É fácil pra caralho.. vou fazer também. Vou enriquecer!"
Espera aí seu filho da puta, não é só isso. Tudo isso que eu disse é apenas o tiro inicial. O principal de tudo é, após localizar a empresa candidata, entrar no site dela e ler os releases e demais informes. Mas é pra engolir tudo, sem desperdiçar uma gota. Nessas demonstrações você vai sentir se a empresa realmente terá condições de dar a volta por cima. Isso aconteceu comigo em BEMA3, identifiquei a oportunidade.. li os relatórios e fiquei mega empolgado. Parcerias novas sendo firmadas, redução de despesas, crescimento do negócio por meio de hotéis e grandes redes. Puta merda, enchi o carrinho nos dias seguintes.

"E você vende quando?"
Apenas se apresentar resultado ruim. Se a empresa apresenta resultado bom, fica na minha carteira por mais três meses, até os próximos ITR's. Exceção feita quando a valorização é tamanha, saltando sobre meu teto. Aí dou uma fatiada. Outra exceção é quando surgem oportunidades ainda melhores, aí faço a troca.

"Pode fazer um estudo de caso?"
Sim. O exemplo será sobre a minha nova empresa... Tempo Participações (TEMP3).

Vamos lá. Fui olhar o P/EBIT... estava alto, cerca de 9. Mas é por uma justa causa, a empresa tem mais de 70M em caixa (maravilha!!). Ok. Fui olhar o lucro do último trimestre.. e me deparei com isso aqui:


Olha que coisa maravilhosa! Olhem o último lucro trimestral... Isso pode representar o momento da virada. É o tal "comprar no fundo" dos grafistas.

Pronto, selecionei a empresa e fui ler os relatórios... Esse lucro gigantesco não foi totalmente recorrente. A empresa recebeu uma devolução de impostos que havia pago indevidamente, cerca de 18M. Restaram 15M  recorrentes. Peguei esse valor, calculei o lucro anualizado e encontrei um P/L de 9. Pode parecer um valor alto, e realmente não é nada muito animador pra mim. Mas devemos observar a média setorial. A média do setor é um P/L de 30.
TEMP3 tem um futuro brilhante pela frente ao meu ver, talvez seja minha nova BEMA... só o tempo irá dizer.

É isso aí pessoal, minha intenção nesse post foi dar uma palhinha do que faço. O importante é cada um montar sua própria estratégia, o que funciona comigo pode não funcionar para você. Cada um tem uma tolerância ao risco. Quem quiser usar o MMI  (Método Mobral de Investir) é só não esquecer que nas crises, sua carteira não irá cair... irá despencar morro abaixo! Por isso é sempre bom ter uma reserva, seja em FII ou RF mesmo. As turnarounds são as empresas que mais sofrem em momentos de crise, mas também são as que mais sobem em momentos de céu de brigadeiro. Diversifiquem sempre!

Forte abraço a todos!
Zé Mobral.


quarta-feira, 17 de abril de 2013
A tentação do consumismo.

Caramba, na minha faculdade eu sou o mais miserável... minha mochila é uma Company de 1993, ando com um tênis surrado, camisas velhas... pqp. É muita desgraça!

Da minha turma, creio que seja o único a não ter um smartphone. E quando vc é o único a não ter, vc fica bolado. Estou confuso e propenso a comprar um.

"Porra!! Se esses pleibas filhos de uma puta podem ter, pq eu que tenho 227k não posso ter?"

Então estou pensando em adquirir um aparelho desses. E pesquisando aqui, o mais barato e com melhor relação custo benefício é o Galaxy Y. Está custando por volta dos 300 reais, muito barato em comparação aos SII e SIII que chegam a custar 2k. E fazem quase a mesma coisa q estes. Lembrando que agora houve uma  redução no imposto e o preço dos aparelhos caiu bastante.

O meu celular é uma merda de aparelho, não faz porra nenhuma, câmera horrorosa, redes sociais inexistem praticamente... processador inexiste. Um lixão.

Gostaria que o pessoal opinasse a respeito. Vale a pena fazer um upgrade no celular? Acho que consigo vender o meu por 80 reais e o galaxy custaria 220 dilmas.

Tento ser frugal ao extremo, mas estou caindo nessa desgraça de tentação... É muito foda ser o ÚNICO a não ter as coisas. Tem menina na minha sala que nem olha pra minha cara pq passo a impressão de ser um pobre de merda.

Me ajuda aí pessoal...

Abraço.
Zé Mobral.



quarta-feira, 1 de maio de 2013
Evolução Patrimonial - Abril

O mês de Abril não foi nada fácil, foi o meu pior dos últimos seis meses. Minha carteira se estagnou, parece que os ativos já andaram tudo que tinha pra andar, estão cansados. O mês de Maio é daqueles que eu gosto demais, pois é mês de balanços saindo do forno. Esse fator é capaz de gerar um grande salto na minha carteira e estou bastante otimista para o próximo fechamento.

Os números de Abril foram:



Os aportes,

* Salário: 2.500,00
* Dividendos: 411,00
* Rendimentos: 520,79

Neste mês recebi meu Prêmio de Produtividade, cerca de mil reais que foram totalmente investidos. A rentabilidade líquida do mês ficou em torno de 1%, bem fraca pra quem procura rentabilidade máxima, correndo todos os riscos que as turnarounds oferecem. Os companheiros de blogosfera, com ativos muito mais seguros, provavelmente performaram melhor. Definitivamente, o mês não foi bom!

As operações feitas no mês foram apenas duas... uma venda e uma compra. Estava extremamente exposto em RV, e de acordo com a divisão percentual que estabeleci, tive que rifar alguém para ter o mínimo de 30% da carteira em FII's.

VENDA: GETI3 aos 18,22 (redução de posição)
COMPRA: HGRE11 aos 1.705,00 (início de posição)

Agora é aguardar os balanços de minhas empresas. Não estou esperando nada de espetacular, acredito que nenhuma delas vai me dar 20% em um mês, como já aconteceu várias vezes. Estou em fase de manutenção, a faculdade está me tomando muito tempo. Não estou conseguindo estudar os ativos e encontrar novas pérolas. E por falar em faculdade, minhas notas vão de mal a pior. Puta que pariu, como é foda estudar em universidade top. Os professores te levam à exaustão, exigem o seu máximo, além disso meu curso é muito difícil. Eu não posso desistir! Nem que eu leve pau em todas as matérias, a chama da IF não pode se apagar.

Um abraço!
Zé Mobral



sábado, 8 de junho de 2013
A esperança do Mobral

Olá amigos,

Minha vida continua uma tristeza. Notas baixas na faculdade, aportando apenas 1,5k num sacrifício danado,  mês passado descobri que sou pré-diabético para acabar de foder com tudo e não posso mais comer doces. Tava tudo uma desgraça.

Liguei pra minha índia kayapó e marquei um motel. É o nosso ninho de amor, descobri esse puleiro e não saio mais de lá. Incríveis R$26,00 por duas horas de hospedagem. Lugar limpinho, TV a cabo, ar condicionado, chuveiro quente, e tudo mais... para um frugal, não há nada melhor.



Após a metelança comecei a resmungar, reclamar que minha vida tava uma merda.. e que não iria assumir namoro com ela enquanto eu estivesse assim. A garota é maluca comigo, doida pra namorar e propôs me ajudar. A família dela veio há muitos anos do Pará, sem um tostão no bolso e vieram fazer a vida aqui. Os pais começaram como auxiliar de serviços gerais, e conseguiram montar sua própria empresa. Hoje prestam serviços em grandes eventos, construíram uma mansão, carro do ano e tudo mais.

A mãe da perva, doida para desencalhar a filha.. me propôs tomar conta de um segmento do negócio... uma loja que estava parada. A mãe está tão ocupada que deixou esse braço da empresa de lado e me propôs a tocar o negócio. Pediu 40% do lucro pra ela , ficando o resto pra mim e pra índia. O detalhe é que essa loja lucra 10k mensais... Ou seja, o Mobral poderia aportar mais 3k todo mês. Maravilha! Infelizmente a loja está em reforma, não conseguirei assumir de imediato como gostaria.

E mais, o pai me propôs uma sociedade para a criação de uma empresa co-irmã, o homem tem um conhecimento absurdo e entraria com o know how e propaganda, eu entraria com a estrutura física, e os investimentos q forem necessários. É uma ideia q está em fase embrionária, mas vou fazer de tudo para levar isso em frente.

Fui bem claro à garota... ganhando mal eu não namoro. Ela me garantiu que eu iria ganhar bem, os pais são muito legais e prometeram me tirar da lama. Assim que recebi as propostas, resolvi assumir o relacionamento com essa menina. Coloquei muitas situações para ela obedecer:

* Não haverá presentes de minha parte.
* Não irei levar pra sair, exceto pro pulgueiro.
* Vai ter q poupar ao menos 20% do salário e me mostrar o saldo bancário mês a mês.
* Vai fazer sexo hardcore sempre q eu quiser.
* Vai dar o todo o dinheiro q ela ganhar com a empresa para eu investir.

Ela aceitou tudo. Se declarou, se diz apaixonada e quero aproveitar esse namoro para ganhar dinheiro. Caramba, nunca pensei q fosse capaz de arrumar alguém que pudesse mudar a minha vida pelo Badoo, o portal da putaria.

Pela primeira vez na vida, consigo ver uma luz ao fim do túnel.. uma esperança de aportar forte e conseguir a IF. Tenho que tocar esse relacionamento da melhor forma possível, cair no agrado dos pais, e assumir a empresa dele no futuro. Penso em fazer um relatório com meu histórico de investimentos pessoais, para mostrar ao cara o que fiz com meu patrimônio... começando com 20k em 2008, aportando baixo e conseguindo multiplicar isso. Quero trazer o velho para o meu lado, a mãe eu já coloquei no bolso.

Peitorais abrem pernas, e são capazes de mudar sua vida. Malhem sempre!

Abraço.
Zé Mobral.



quarta-feira, 19 de junho de 2013
Problemas com a estratégia

Há dois anos, mais ou menos, abri mão de minha renda fixa (fundos DI e poupança) para ficar all in em renda variável. FII's e ações passaram a deter a totalidade do meu capital. A estratégia era simples, usar a estabilidade dos FII's para abatê-los nas crises e comprar ação por um preço barato.

Porém....




Fiquei sem saída. Tudo desabou!

Como vender FII pra comprar ação se FII caiu mais que ação?
"Porra, Mobral. Deixa de ser burro e faz a operação inversa.. Se FII caiu mais, vende ação e compra FII!"
É isso mesmo que fiz. Vendi uma pequena parte de TRIS3 e GRND3 e comprei mais HGRE11. Mas cheguei no limite de isenção. E os FIIs continuaram a cair.

Minha estratégia falhou. Observando a reação dos FII's em 2008, em que a maioria deles sentiu muito pouco à crise, resolvi montar essa estratégia para realocar os ativos em momentos difíceis. Nesse instante, vejo muita coisa barata. Não tenho nada pra vender, já que está tudo subvalorizado. Estou doido pra comprar muita coisa, mas atingi o limite de isenção e todos os meus FII caíram demais, quando deveriam estar com os preços estáveis.

Muitas vezes o aprendizado acontece com as perdas. Em situações de PIB pequeno e taxa Selic subindo, não tem jeito.. vai tudo é para o ralo mesmo. Tudo cai. Não vejo uma estratégia melhor do que a atual, já li muitos livros e nenhuma outra me atrai. O jeito é manter a calma, confiar no longo prazo e torcer para que a situação econômica no exterior não piore.

Resumindo,
A alocação de ativos entre FII's e ações não é uma estratégia 100% confiável. Pode ser que tudo suba, ou tudo caia... e você fica na mão, sem saber o que fazer.

"Puxa, Mobral... o que você irá fazer?"
Minha carteira continua a derreter. Em tempos difíceis, como esse, vou focar minha análise no DY. Só vou vender FII pra comprar ação caso o DY da ação seja equivalente ou superior ao do FII. Atualmente vemos muitos FIIs pagando 9%a.a., e não enxergo ação bacana oferecendo isso. Minha estratégia de ir vendendo ação de maneira indexada ao IBOV foi pelos ares. Vamos ficar assistindo o estrago que este governo fez em um ano que tinha tudo pra ser muito positivo.

Abraço!
Zé Mobral


sábado, 29 de junho de 2013
Evolução Patrimonial - Junho/13

Um mês de muitas perdas para o Mobral. Meus FII's não aguentaram a pressão desse governo irresponsável e despencou junto com minhas turnarounds.



 Só que vai ser difícil derrubar a minha vontade de conquistar o milhão. Minha estratégia continua intacta. Amadureci bastante como investidor e em nenhum momento abri mão dos meus princípios. A alocação entre FIIs e Ações continua equilibrada. No mês vendi RDES11 e comprei BBAS3 nos 20,78.

"Porra, Mobral! Você está girando essa carteira pra caralho. Sossega e vai dormir!" 
O giro de carteira pra mim é muito importante. Me permite vender algo que caiu pra comprar outro ativo que caiu ainda mais e tem uma margem de segurança maior. Acho isso maravilhoso. Logicamente, vendo até  o limite da isenção.
"Tomar no seu cu, Mobral! Você tá descendo a montanha russa carregado dessas ações de merda, small caps e turnaround não trazem proteção seu animal!"
E eu estou buscando proteção? Estou buscando ganho de capital. Todas as minhas empresas apresentam lucro no balanço. Não compro mico. Quando cai, perco muito... quando sobe, ganho muito. Muito bom.
Vamos a planilha da evolução patrimonial:
 
Aportes:
Salário = 1.500,00
Dividendos = 870,41
Rendimentos = 605,33
TOTAL = 2.975,74
Para os amigos que gostam de colocar meus dados no ranking de rentabilidade, descontados os aportes a rentabilidade foi -5,9%.
Estou salivando e essa semana, se tudo der certo vou passar o cerol em GRND3.
"Porra, Mobral.. Grendene apresenta lucros crescentes e constantes.. Que burrada!"
Dane-se. Empresa bastante esticada, com P/L alto. Se a coisa agravar vai derreter. Vou vender esse ativo e estudar algum FII legal para aportar. No próximo post daqui 10 dias falarei com detalhes.
Esse mês quero concentrar meus aportes em FIIs, mas se o IBOV abrir as pernas novamente e voltar abaixo dos 45k, novas ações virão pra carteira. 
Dei uma passada rápida nos blogs. O mês não foi fácil pra ninguém. Pela exposição absurda a risco na qual me mantenho, acho até que perdi pouco... IBOV caiu o dobro. Minha meta de chegar aos 300k ao final do ano foi pelos ares. Dona Dilma filha da puta, um dia vc me paga!
Abraço!
Zé Mobral.


terça-feira, 9 de julho de 2013
Tudo ou nada

Esse mês não farei aportes. A grana do salário está parada na conta. Estamos (eu, índia e o pai dela) planejando os detalhes de nossa empresa.

Antes de assumir o namoro, disse a ela que não caso com esse salário de merda que possuo. Ela quer muito casar com o Mobral, e prepara com os pais dela a criação do nosso negócio. Os pais dela começaram do zero total, criaram uma empresa no setor de serviços e decolaram. Atualmente faturam 40k/mês.

A empresa deles fechou um contrato com algumas empresas de eventos de Minas e deixaram de lado um braço não menos lucrativo. Nossa empresa viria a absorver esses clientes.

O conhecimento dos velhos é uma segurança. Usaremos o espaço físico, o contador, e alguns funcionários da empresa deles. O investimento será em maquinário e propaganda, além das despesas de criação do CNPJ. A princípio, o Mobral vai assumir esses gastos.

No início, os pais dela pensaram que eu era um aproveitador. Queria casar pra dar o golpe. Não é nada disso, gosto da índia. Me oferece sexo de muito boa qualidade, menina que pensa grande, tem dois empregos, faz faculdade e quer abrir empresa comigo. Educada, bonita, gostosa, boa família.


A intenção é casar. Ela está se sentindo pressionada e quer acelerar o negócio. Eu disse a ela que preciso de 10k mensais, abaixo disso eu não caso. Ela me garantiu que no médio prazo irei tirar isso brincando. Se conseguir, peço exoneração no meu cargo lixo de professor. Aportar 5 ou 6k mensais. Moradia não é o problema, meus pais tem barracões, estão dispostos a me ceder um deles quando casar. Ela é servidora pública também, ganha muito mais q eu.. não quero q ela exonere.

O pai detêm o conhecimento, o cara domina o setor em que trabalha.. sabe muito. Mas é analfabeto financeiramente. Queimam os 40k da empresa deles com luxo, continuam duros. Eu detenho a grana para o investimento inicial. A índia é supervisora na empresa deles, detêm o manejo do trato com os funcionários e fornecedores.

Acho que o negócio pode vingar. E o Mobral pode mudar radicalmente sua vida. Esse resto de 2013 vai continuar sendo tenso, meu patrimônio continua a cair.. e agora sem poder aportar. O velho é bipolar, para ele desistir do negócio não demora. Não quero me iludir, quero tratar como uma possibilidade apenas. O que me importa no momento é aproveitar minha nega, mas sem gastos.

E tudo começou por uma procura de sexo no Badoo.

Abraço.
Zé Mobral.


sábado, 20 de julho de 2013
As férias do Mobral
Enfim estou de férias. Após o semestre mais turbulento de minha vida, poderei descansar. Digo turbulento porque um caminhão de coisas aconteceu: nova graduação, primeira namorada (sim, antes era só orgia), aumento na carga horária no trabalho, na bolsa foram ganhos absurdos em alguns meses e prejuízos enormes em outros... fora academia, tarefas de casa, blog, atenção pro cachorro... pqp. O tempo voou.

Agora quero coçar o saco durante esses quinze dias, pensar no futuro.


Com relação ao curso superior, foi uma maratona. Peguei três provas especiais. Passei em Cálculo e GAAL, mas tomei pau na principal matéria do curso... que é pré-requisito para várias do segundo semestre. Fodi minha continuidade, tive que pinçar matéria dos semestres posteriores e avacalhei com tudo por causa da falta de tempo, e da falta de tesão também por estudar. A intensidade e o prazer que eu sempre tive em estudar, se perdeu. Pensar em concurso público top seria um abusrdo. A gente se aproxima dos 40 anos e não consegue mais focar nessas coisas. Deixa pra molecada aí.

A única alternativa para o enriquecimento do Mobral é o empreendedorismo. Esse mês iniciei as conversas, mas não vou alugar os leitores com esse assunto.. quando ficar pronto crio um post pra isso.

Na academia, não consigo malhar como antes... atualmente vou duas ou três vezes semanais. Pra tentar manter meu porte que é bom, peitorais fortes, pernas grossas e braços bons. Nessa idade a perda muscular é muito grande, vamos fazer a manutenção.

Minha índia só pensa em casar, faz planos de comprar casa, ter filhos. A mulher é diferenciada de todas q já tive. Trabalha na polícia, quer abrir empresa, quer terminar a faculdade, quer muito dinheiro igual o Mobral. Pensa alinhada comigo na maioria das coisas.

Na bolsa são só quedas. Esse mês vendi Grendene pra comprar PRSV11 e XTED11. Tive que retirar uma grana, pouco mais de 5mil reais, da corretora pra emprestar a minha sogra. Vai me pagar 3% de juros em duas semanas. A velha movimenta muita grana na empresa, mas não tem educação financeira nenhuma.. queima tudo e sempre fica apertada. Falei que a 3% pode contar comigo... aceitou. Os pais são super bacanas, me chamam pra sair direto a custo zero. Mobral tá comendo demais sem tirar um puto do bolso... Além de comer a filha deles. hehe.

Enfim, acabou que fiz um resumo desse mês... quero fazer três post mensais, de dez em dez dias acho que fica bom. Futuramente quero colocar anúncios no blog tb, pagar o motel com ele. Vou estudar a respeito e ver se vale a pena mesmo. Se for só poluição visual e retorno quase zero, não entro nessa.
Um abraço,
Zé Mobral.


quarta-feira, 31 de julho de 2013
Regressão Patrimonial - Julho/13
Olá pessoal,

Como disse no post anterior, nesse mês girei bem pouco a carteira. Vendi Grendene e comprei PRSV11, um FII bacana que na ocasião estava com um preço bastante atraente, abaixo dos 1.200,00. Mobral não resistiu e abocanhou.

Eis a planilha com os resultados:
O aporte do mês foi de 1.500, 00. Porém retirei 5.500,00 para emprestar à minha sogra e por isso meu patrimônio despencou e, após muito tempo, perdi até para o IBOV.

CURSO SUPERIOR:
Fui reprovado na principal matéria do primeiro período, isso fez com que eu não conseguisse me matricular em outras três do segundo por serem pré-requisito. Meu segundo semestre ficou uma zona, matérias puxadas, buracos na grade... uma merda! Às vezes fico com vontade de chutar o pau da barraca, largar tudo... mas ainda não tive essa coragem. Ainda não me concentrei como deveria, toquei o primeiro período nas coxas.

BOLSA:
Estamos iniciando o período de balanços. Àqueles que seguem o modo Mobral de investir, sugiro que fiquem atentos. Todo trimestre surge alguma pepita de ouro que apresenta ótimo resultado e pouca gente vê. Quem ficar esperto e comprar logo após o resultado, vai pegar um belo movimento de alta e rir atoa.
Minha participação em FII's já ultrapassa os 40%. Pensei q a bolsa iria derreter e me ferrei, houve uma certa recuperação. Se a coisa ficar feia, terei bala na agulha para aproveitar.

MULHER:
Mês de férias e gastei grana mesmo só com motel. Fomos ao cinema, ela entra de graça por ser PM e fez questão de pagar a minha entrada. Fomos ao zoológico passear, programas baratos e frugais. Como tem que ser. Metemos muito quase todo dia, pois ela tb está de férias na faculdade.
Esse mês emprestei uma grana à minha sogra, isso rendeu muita polêmica no blog, muita gente dizendo que fui passado pra trás e etc. Provavelmente não irei receber o dinheiro, a sogra me sugeriu investir em máquinas de construção civil para aluguel. A empresa dela tem um braço (deixado de lado) que consiste no aluguel de máquinas. Ela me sugeriu que eu fosse com ela comprar algumas máquinas pra deixar na loja dela com a finalidade do aluguel. No primeiro momento gostei da ideia, mas preciso discutir o valor dos aluguéis pra ver se vale a pena. Eles ganham uma boa grana nesse braço, cerca de 8k mensais só com aluguel. Vamos ver o que acontece.

ESCOLA:
Não aguento mais trabalhar naquele lugar, ensinar moleque maconheiro filho da puta e ganhar 1,9k. Vida de pobre é uma tristeza, quero melhorar de vida rápido. O grande prazer que eu tinha, que era sarrar as vadiazinhas, agora não faço mais por estar namorando. Na escola em que trabalho as cobranças só aumentam, um monte de planilha, trabalhos extras, pqp.. que inferno! E não recebo um puto de hora extra.

Enfim, esse trimestre foi bastante negativo pra mim em todos os sentidos. Que Deus me ilumine para tomar as melhores decisões. Obrigado aos leitores pela força, me fortalecem muito.
Abraço.
Zé Mobral.


sábado, 10 de agosto de 2013
Diário do Mobral
Olá pessoal,

Vocês tem me ajudado demais nessa fase de mudanças na qual estou vivendo e quero continuar descrevendo minha novela. Gosto muito de ler a opinião dos amigos.

Pois bem, a empresa do Mobral está esquentando. A novidade é que o irmão da índia entrou no negócio. Seremos três sócios, ele entra com o conhecimento e os contatos, eu entro com a grana, e a índia não sei como poderá entrar.. ela deu a ideia, mas não terá tempo de conduzir o negócio.. não sei como posso enquadrá-la nessa sociedade. O irmão dela passou a semana se reunindo com um contador, pra discutir os detalhes da abertura da empresa. Infelizmente não poderei abrir a empresa no meu nome, a índia também não por sermos funcionários públicos.. Acredito que iremos abrir no nome dele, seria mais razoável.
Ontem ele me ligou e disse que o contador fez uma proposta de direcionar a empresa a participar de várias licitações... nosso setor é muito requisitado, mas ele cobrou uma comissão. Temos que analisar isso daí.

Outra novidade é que passei a trabalhar na empresa da minha sogra. Trabalho aos domingos lá, ela me colocou em um cargo de chefia e coordeno 12 funcionários. Como só trabalho um dia na semana, ela me paga a diária de cem reais. Minha intenção nem é o dinheiro, nem vou aportar essa grana, mas sim o aprendizado. Li em alguns livros que a melhor forma de conhecer um negócio é trabalhando nele.. e é isso que estou fazendo. A empresa é bem estruturada, possui 80 funcionários.

A índia está louca, quer muito que a gente dê certo e só pensa em casar. O meu sogro já cedeu o terreno pra gente construir. Disse a ela que só caso com uma renda líquida de ao menos 10k mensais e que ela consiga poupar 20% do salário dela por mês. Quero educá-la na base da frugalidade.

Com relação à bolsa, ainda não sei se vou aportar meu salário.. está parado na conta. Pode ser que eu tenha algum tipo de despesa e penso em deixar a grana lá pra isso. Estamos em plena temporada de balanços e minha mão começa a coçar... Tivemos alguns belos resultados como BEMA3, CGRA3 e ABCB4, entre outros. Unipar deu uma decepcionada, mas ontem mesmo anunciou mudanças, ao que parece vai deixar de ser holding para ser uma empresa operacional, se isso acontecer a cotação dobra de valor em pouco tempo. Quanto à carteira, não consigo ver nenhum ativo que esteja caro para fazer a troca, nesse mês ainda não girei nada.

Esse mês também resolvi colocar o Adsense no blog. Não quero que pensem que meu intuito é faturar em cima da visita dos leitores... nada disso. Não vou aportar nada, deve render mixaria já que meu blog vem recebendo uma média de cem visualizações por dia. Se der pra pagar o motel uma vez no mês estará ótimo. Portanto, o máximo que vocês irão colaborar é na minha vida sexual. rs.

Bem, é isso aí. Quero continuar postando três vezes ao mês. A criação desse blog fez muito bem pra mim, já que sou um pouco anti sociável, e não tenho muita gente com quem conversar sobre os assuntos que eu gosto. Vocês acabam sendo importantes demais nesse sentido. Quando faltar assunto, continuo os "causos" do diário do Mobral.

Um abraço e feliz dia dos Pais a todos.
Zé Mobral.

________________________________________________

Sei que o post ficou longo demais, mas achei que ficaria melhor concentra-lo para que seja fácil acessar. Espero que tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre o nosso ilustre Zé Mobral!
Sinta-se a vontade para deixar sua homenagem para nosso colega. Futuramente farei mais um post assim, mas na próxima, o blogueiro será o Roger da Cidadezinha.

Bons ganhos e um grande abraçoo!


28 comentários:

  1. Rei das smalls.
    Saudade dessa época...
    Bom post burguês, to no aguardo pra ver o que tu tem do roger
    Abrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anon!
      Do roger tem menos coisa e não consegui algumas datas, mas vai ser um bom post também!
      Valeu!!

      Bons ganhos e um grande abraço!

      Excluir
  2. haha, de onde vc copiou isto? o blog nao foi excluido?
    Ele só se equivocou em um ponto no primeiro post: não existe "raça negra", raça é uma só, a humana.
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Uo!

      Peguei de varias fontes, algumas imagens eu tinha guardado!
      Sem querer apaguei o comentário de um anon que mandou uma referencia dos internet archives, onde da pra ver alguns posts de sites que se foram!

      Bons ganhos e um grande abraço!

      Excluir
  3. Pow, gostava muito do zé mobral. As aventuras dele eram hilárias, uma pena que nos deixou. Tem vários blogueiros bacanas que nos deixaram.
    Uma pena!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala trader,
      bem vindo ao blog!

      Pois é, alguns nos deixam mas o legal da blogosfera é que de jeito ou outro, o conhecimento que eles nos passaram continua vivo.

      Bons ganhos e um grande abraço!

      Excluir
  4. Não conhecia o famoso "Ze Mobral", muito bom, li todos os posts, parece ser um cara muito divertido.

    Agora, por que ele parou de postar? Teve post de despedida?

    Deu certo a empresa? Casou?

    Muito bom.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala VdC!
      Como vai amigo?

      Teve um post de despedida sim. Não sei das novas notícias do Mobral, mas vez ou outra ele continua postando por aí em forma de comentários.

      Excluir
    2. Descobriram a identidade dele. Começaram a zombar fazendo comentários com o nome dele (Rodrigo) propositadamente.

      Excluir
  5. Sempre ouvi falar do Zé Mobral, mas quando conheci a blogosfera ele já tinha saído...mas agora eu vi pq ele é tão famoso, além de ter seu próprio método de investimento (e mais importante, lucrar com isso), o cara tem um baita senso de humor e era bem autêntico.

    Muito legal ter guardado esse histórico BI!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TMF,

      Muito legal mesmo, o cara que era muito inspirador. Um mero professor de escola pública com os pés no chão mostrando como da pra ascender no capitalismo.
      O método dele é muito bem embasado, além da frugalidade natural que com que ele vivia.

      Valeu TMF,
      bons ganhos e um grande abraçoo

      Excluir
  6. Burguês,

    Parabéns e obrigado pelo post, deve ter dado um trabalhão juntar estes dados.

    Não conhecia o Mobral, agora entendo seu sucesso.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Pretenso Milionário,

      Haha muito obrigado amigo, deu um trabalhão mesmo, mas acho que o Mobral merecia uma homenagem aqui no blog, foi um dos primeiros que eu comecei a acompanhar. Queria ter guardado mais coisa, hoje costumo salvar bons artigos sem nem pensar duas vezes.

      Valeu pm,
      Bons ganhos e um grande abraço!

      Excluir
  7. Burgues manda o endereco do site do blog do mobral, que jogo no way back machine e podemos encontrar talvez mais alguns posts

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala anon,
      O conteúdo que tem lá já foi inserido, se quiser dar uma olhada este é o link: http://web.archive.org/web/20130820075549/http://zemobral.blogspot.com.br/

      Valeu,
      Bons ganhos e um grande abraçoo

      Excluir
  8. Sensacional! É incrível como nossa imaginação dá várias voltas pensando em como está a vida do Mobral neste exato momento. Ótimo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Ser Lixo!

      Será que o cara deu certo ou acabou quebrando a cara?
      Será que o relacionamento dele com a índia foi pra frente ou já terminaram e ele se fodeu com o patrimônio?
      hahahaha bom, mas essa é a graça também!
      Valeu pela visita!

      bons ganhos e um grande abraçoo!

      Excluir
  9. Muito bom Inglório..... Eu estava começando a ler o blog do Mobral quando ele deu fim..... Fiquei muito triste........

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é MBF,
      foi uma perda enorme pra blogosfera!
      Mas faz parte, uns vão outros vem.
      Valeu pela visita amigo,
      Bons ganhos e um grande abraçoo!

      Excluir
  10. Boas,

    Muito legal!

    Boas histórias e conhecimento. Não peguei essa época. Obrigado por compartilhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Investidor Maluco,
      que bom que gostou do post!
      Aposto que vai gostar do Roger da Cidadezinha também!
      Valeu pela visita!
      Bons ganhos e um grande abraçoo!

      Excluir
  11. Burguês, acho que o Mobral excluiu o blog porque passou no concurso da Polícia Civil de MG, basta olhar os comentários no blog atividade de polícia. O plano dele era conciliar a profissão de professor e de policial no setor administrativo pra alavancar os aportes.

    anon carioca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade anon carioca!
      uma pena que ele tenha parado de postar...
      valeu pela visita,

      bons ganhos e um grande abraçoo

      Excluir
    2. Iiiiiiiisso! Vim aqui falar exatamente isso!
      É bom saber que o Mobral tá vivo e melhorando de vida.
      http://atividadedepolicia.blogspot.com.br/2016/06/capital-x-cidadezinha.html

      Excluir
  12. Olá Burguês!

    Sensacional o post! Não conhecia o Zé Mobral, que pena que teve que abandonar o blog. Ele manjava das coisas...

    Abraço!

    ResponderExcluir