Menu

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Volatilidade e o País das Commodities

 

Recentemente o mercado brasileiro tem mostrado um bom desempenho, devido principalmente a especulação de que a Dilmanta pode vir a sair do cargo presidencial. Desde o final de janeiro de 2016 o real teve uma alta de 12.2% (hora de comprar dólar?) e o Ibovespa obteve alta de 39%.

Os resultados são excelentes e mostram a esperança de um fim para a nossa crise política. Contudo, de certo modo inesperadamente, o mercado não vem seguindo o curso de alta de acordo com os processos do impeachment. Como devem bem lembrar, logo após a palhaçada votação da câmara, o Ibovespa fechou em baixa de 0.6%.

Mas qual é a explicação pra isso?

De acordo com um relatório da Capital Economics' David Rees: No Brasil, quem manda é o preço das commodities.


Além disso, não podemos subestimar que o dólar estava sobrevalorizado frente às outras moedas mundiais como o Euro (U$ 1.08/EURO).

Ainda no relatório a equipe afirma que independente da razão, seja o impeachment ou as commodities, eles suspeitam que os melhores dias para o mercado brasileiro estão para trás, principalmente para aqueles que gostariam de entrar. Dificilmente o preço das commodities vai subir muito e, inclusive, preveem uma correção em forma de queda para cerca de U$45.00/tonelada do minério de ferro, já para o petróleo também espera-se que feche o ano em torno de U$45.00/barril.

E aí, qual é o pitaco de vocês sobre as recentes altas?
Bons ganhos e um grande abraçoo!

5 comentários:

  1. Ainda não tivemos nenhuma mudança no cenário econômico pra justificar a alta portanto é apenas espulacao mesmo. Acredito que o mercado deve aguardar de 3 a 6 meses depois do impiechment se nada indicar mudanças justificativas pra organizar a casa e retomar crescimento o mercado volta a cair.

    Agora acreditar num barril a 45 acho pouco provável ainda mais com essas barreiras contra irá suspensas no podcast cheguei a noticiar esses dias que opep tá numa briga entre irá é arabia saudita essa ultima tentando reduzir a produção o primeiro querendo aumentar a todo custo.

    ResponderExcluir
  2. Olá BI,

    Concordo com o VD acima, por enquanto é só especulação mesmo.

    Brasil é o pais das commodities, gostei do gráfico, faz todo sentido.

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Ótimo post, BI. O Brasil é o país das commodities justamente pelo desprezo do governo com nossa indústria. Não nos resta outra alternativa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Pretenso Milionario!

      O Brasil é o pais do futuro e sempre será!
      Pelo jeito é o das commodities e da renda fixa também, e sempre será.

      Excluir