Menu

domingo, 30 de agosto de 2015

Carteira


- I want you to go in that bag, and find my wallet.
- Which one is it?
- It's the one that says Bad Motherfucker.

Este post fica fixado no menu do blog. Sempre que houver compras, vendas, doações, bônus, splits, ou qualquer outra alteração que não seja uma simples oscilação, um novo post será escrito e haverá um link de redirecionamento para aqueles que querem ver os detalhes dos ativos que compõe a Carteira do Burguês. Assim fica mais fácil tanto para o leitor que acompanha o blog com frequência quanto para aquele que raramente lê.

AÇÕES

FJTA3
Total: 200 papéis
Transações:
+ 200 papéis, R$ 1,72 (28/09/2016)


FUNDOS DE INVESTIMENTOS IMOBILIÁRIOS

BRCR11
Total: 35 papéis
Transações:
+ 7 papéis, R$ 105,12 (03/06/2015)
+ 5 papéis, R$ 104,90 (10/06/2015)
+ 5 papéis, R$ 103,99 (15/09/2015)
+16 papéis, R$ 100,70 (01/12/2015)
+ 2 papéis, R$ 102,25 (14/04/2016)

CTXT11
Total: 20 papéis
Transações:
+ 20 papéis, R$ 60,00 (04/03/2016)

FCFL11B
Total: 1 papel
Transações:
+ 1 papel, R$ 1.300,00 (04/08/2015)

FFCI11
Total: 62 papéis
Transações:
+ 62 papéis, R$ 1,23 (15/01/2016)

FLMA11
Total: 263 papéis
Transações:
+ 244 papéis, R$ 1,82 (21/10/2015)
+ 19 papéis, R$ 1,84 (23/12/2015)

HGBS11
Total: 1 papel
Transações:
+ 1 papel, R$ 1.480,00 (11/04/2016)

HGLG11
Total: 3 papéis
Transações:
+ 2 papéis, R$ 1.099,99 (14/05/2015)
+ 1 papel, R$ 874,99 (03/03/2016)

HGRE11
Total: 2 papéis
Transações:
+2 papéis, R$ 1.365,00 (14/05/2015)

KNCR11
Total: 30 papéis
Transações:
+30 papéis, R$ 108,00 (19/07/2016)

KNRI11
Total: 4 papéis
Transações:
+ 2 papéis, R$ 121,29 (04/08/2015)
+ 2 papéis, R$ 106,24 (03/03/2016)

NSLU11B
Total: 3 papéis
Transações:
+ 3 papéis, R$ 182,39 (30/10/2015)

RNGO11
Total: 9 papéis
Transações:
+ 7 papéis, R$ 76,09 (15/09/2015)
+ 2 papéis, R$ 72,50 (21/12/2015)


TESOURO DIRETO

Rico
valor investido: R$ 746,86

Socopa
valor investido: R$ 2.850,40

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Estratégia de Investimento


A estratégia de investimento do Burguês é voltada para o objetivo de atingir a Independência Financeira. Gosto de pensar que existem três fases da independência financeira.

A primeira é a SOBREVIVENCIALISTA, ao atingi-la você sera capaz de parar de trabalhar e viver uma vida extremamente frugal sem ter que se preocupar com gastos habitacionais, impostos, comida, energia, aguá, gás, entre outros fatores necessários. Se for um homem solteiro é possível viver com R$1500,00 reais/mês em cidades menores.

O segundo estágio é o CONFORTÁVEL, onde além dos gastos básicos você pode pagar uma academia, uma cerveja, algumas saidinhas de final de semana, caso se programar pode até conseguir viajar talvez ou, quem sabe comprar o celular ou vídeo game do ano caso seja importante pra você, mas nada muito fora disso.

O terceiro estágio é o PLAYBOY, onde você consegue viver com todo o conforto que quiser e pode sambar na cara da sociedade trabalhadora enquanto se diverte vivendo férias eternas, aqui você tem uma casa legal, um carro legal, pode comer fora sempre, comprar coisas legais no mercado sem ter que ficar olhando preço, roupas sob medida, joias, relógios e outros acessórios legais, fazer viagens internacionais todos os anos e mesmo assim, a cada ano que passa ficar ainda mais rico, atualmente na blogosfera temos apenas um vencedor que atingiu este nível, ele é o Viver de Renda, tem meses em que seu patrimônio chega a aumentar cerca de R$100.000,00 e ele se mantêm gastando menos de R$3.000. É no terceiro estágio que eu busco chegar.

Devemos entender que temos uma vasta gama de opções para montar nossa carteira de investimentos e atingir nossos objetivos, podemos escolher entre: ações, metais preciosos, opções, fundos de investimentos imobiliários, moedas estrangeiras, criptomoedas, bonds, Tesouro Direto, LCI/LCA, entre outros. Por isso é bom salientar que dada a imprevisibilidade do mercado algumas boas opções de compras podem aparecer, saindo um pouco da estratégia.

O coração da estratégia do burguês é o Buy and Hold, que consiste em comprar ativos geradores de valor por um bom preço e com boa administração com a intenção de segurá-los por anos e mais anos, exceto é claro se em algum momento eles deixarem de serem bem administrados - se isso acontecer a venda será iminente. A meta mínima é aportar no mínimo 50% de toda a minha receita.

Na primeira fase, é importante comprar investimentos que gerem fluxo de caixa, por isso optei por Fundos de Investimentos Imobiliários, além disso são isentos de imposto de renda. O objetivo inicial é adquirir entre R$150.000 e R$200.000 em fundos de diversos setores (hospital, universidade, escritórios, logísticos, papel, comerciais, agências, indústrias e shoppings) com a intenção de ter uma renda fixa mensal superior a R$1.500 por mês. Enquanto eu não me aposentar todos os dividendos são reinvestidos. O Tesouro e LCI/LCAs também são bem-vindos, principalmente em épocas de juros altos.

Na segunda fase começa uma diversificação maior. Iniciando a compra de ações que possuam grande potencial de valorização no longo prazo e um pouco de criptomoedas como Bitcoins evitando possíveis cisnes negros (black swans).

No terceiro estágio a estratégia se torna montar uma carteira completa e sólida, que seja estável e à prova de crises, diversificando internacionalmente os ativos financeiros e aceitando retornos relativamente menores em troca de paz e segurança. O terceiro estágio ainda é algo utópico e muito distante da minha situação atual, conforme o progresso for acontecendo elaborarei melhor as prioridades e taxas percentuais de cada categoria de ativo e país a se investir. Visando sempre menores impostos e maiores ganhos de capital.

O resto é com vocês,
Bons ganhos e um grande abraçoo!

domingo, 23 de agosto de 2015

Sobre



A vida é boa. Posso sentir enquanto saboreio meu Martini ao digitar o primeiro post do blog. E com este post inicia-se o fantástico conto da saga do Burguês Inglório. Blog epopeico que narra a história de um jovem paulistano em busca da construção de seu império patrimonial.

Imagino que muitos de vocês devem estar se perguntando como eu me tornei quem sou, de onde vim ou até com o que me pareço e por isso decidiram clicar em "Sobre" pensando que todas essas dúvidas seriam sanadas. O fato é que nada disso é importante. Estou em constante mudança. Sou líquido. Tudo o que você precisa saber, é que comecei pequeno e percorri um longo caminho até me tornar o Burguês. Cabe a você saber se vai seguir meus conselhos e suceder ou se juntar aos perdedores do seu bairro.

Se ainda estiver curioso, aqui está o que precisa saber:
Nasci nos anos 90. Cresci jogando Mario no SNES e assistindo American Psycho. Na escola os professores me chamavam de Bon Vivant. Eu não tenho ideia do porquê, mas gostei da definição. Aos 15 anos comecei a treinar, desde então nunca parei. Mais tarde adicionei o boxe à rotina também. Aos 17 passei na faculdade, onde fiz marketing para aprender a manipular as pessoas. Aos 22 me formei. Como autodidata aprendi inglês, francês, cozinhar, socializar, investir e a negociar como ninguém. De fato, isso é só o começo. Eu adoraria falar mais sobre esse mim, mas tenho que devolver algumas fitas de vídeo.

O resto é com vocês...
Bons ganhos e um grande abraçoo!